Você já ouviu falar de teorias que afirmam que, na realidade, o mundo em que vivemos não é, na verdade, real? Basicamente, as teorias afirmam que o que achamos que é a “vida real” não passa de uma simulação hiper-realística que versões mais avançadas de seres humanos construíram e nos colocaram dentro. Complicado? Quanto mais você pensar nisso, mais confuso fica a percepção da realidade.
O fato é que a sociedade experienciou um enorme salto tecnológico em um curto período de tempo. As calculadoras, por exemplo, costumavam ser do tamanho de um cômodo inteiro. Agora, é possível guardá-las dentro dos próprios bolsos. E esse mesmo dispositivo também permite que você escute música. Veja vídeos. Armazene uma quantidade surreal de dados. Chamadas, e-mails, imagens de alta definição, o mundo inteiro através de uma tela.
Tudo isso, impressionantemente, aconteceu nos últimos 20 anos. Nesse atual momento, mais celulares estão sendo lançados a cada ano, e cada um deles demonstra algo melhor que o anterior. São processadores mais rápidos, maior armazenamento, etc. Os gráficos são cada vez mais impressionantes. É só comparar a diferença do Nintendo 64 dos anos 90 com um computador de ponta e jogos de realidade avançada que existem hoje. Tudo isso em 20 anos.
Realidade aumentada
O fantástico Pokemon GO foi lançado e trouxe um gostinho de realidade aumentada para seus jogadores. E não para por aí! Escavações virtuais, experiências interativas em parques temáticos, e até eventos virtuais estão em constante produção. Não vai demorar para que até mesmo jogos de cassino utilizem a realidade aumentada para causar imersão nos apostadores e fazê-los se sentir como se estivessem, de fato, de frente para jogos físicos.
As possibilidades são inúmeras! Imagine jogos de estratégia jogados em realidade aumentada? Será que daqui a alguns anos a realidade de Yugioh estará disponível? Imagine quantas empresas franqueadas poderiam usar da realidade aumentada para atingir seus objetivos ao mesmo tempo em que criam universos completamente únicos e inovadores?
Jogos em dispositivos móveis
Talvez os jogos mais portáteis que o Nintendo Switch são os jogos em dispositivos móveis. Sozinhos, esses jogos são responsáveis por quase metade de todas as vendas de indústrias de jogos no ano passado. Jogar o que quiser, no tempo disponível, é algo muito tentador e acessível. Surgiu um intervalo? Abra o Runescape. Tem um tempinho aqui? Jogue Minecraft com jogadores do mundo inteiro conectados a você.
Há muito por vir
O mundo de hoje é um local fantástico para a tecnologia. Há muito o que se esperar, mas o tempo de espera será cada vez mais curto. O que é certo, na verdade, é a incerteza acerca do que nos espera no futuro. Há 90 anos, quando a primeira televisão foi inventada e trazia imagens em preto e branco, ninguém sabia aonde aquilo iria chegar.
Hoje, estamos no mesmo barco, a diferença é que o barco de hoje navega a uma velocidade muito maior, o que faz com que a viagem seja muito mais emocionante!
Matéria retirada do site Profissionais TI:
https://www.profissionaisti.com.br/2019/05/como-a-tecnologia-dos-jogos-tem-melhorado-nos-ultimos-tempos/

Deixe seu comentário

%d blogueiros gostam disto: